Como funciona

Sou proprietário.

Posso localizar as
minhas propriedades?

Consulte aqui a lista de municípios onde o BUPi já está disponível.

Sim!

Já pode localizar, de forma rápida, as suas
propriedades nesse município.

VEJA AQUI COMO IDENTIFICAR

Ainda não

O município que selecionou ainda não aderiu ao BUPi ou encontra-se em fase de adesão. Subscreva a newsletter BUPi para ser alertado sobre o início deste processo.

Última atualização: dd/mm/aaaa

O município que selecionou já tem cadastro predial. Em breve poderá efetuar o registo gratuitamente. Consulte esta página e subscreva a newsletter BUPi para ser alertado sobre o início deste processo.

Última atualização: dd/mm/aaaa

O município que selecionou já tem cadastro predial mas os elementos cadastrais existentes ainda não estão vetorizados. Em breve poderá efetuar o registo gratuitamente. Consulte esta página e subscreva a newsletter BUPi para ser alertado sobre o início deste processo.

Última atualização: dd/mm/aaaa

Consulte a informação disponível aqui:

SiRGIC AÇORES

Quem pode aderir ao BUPi?

Proprietários

Podem aderir gratuitamente os titulares de propriedades localizadas em municípios aderentes ao BUPi – consulte aqui os municípios. A localização de propriedades pode ser efetuada pelo interessado, via online, ou num balcão BUPi, presencialmente, com um técnico habilitado. Caso efetue a localização e identifique os limites da sua propriedade online, o processo é encaminhado para um técnico, que verificará a conformidade da informação.

IDENTIFIQUE AQUI AS SUAS PROPRIEDADES

Como nasce o BUPi

O BUPi surgiu em 2017, na fase piloto, com o intuito de conhecer o território português de forma simples e inovadora e está assente em 4 objetivos:

ORDENAMENTO
DO TERRITÓRIO

VALORIZAÇÃO
DE RECURSOS

IDENTIFICAÇÃO
DOS PROPRIETÁRIOS

PREVENÇÃO
DOS INCÊNDIOS

Depois do sucesso do piloto, o BUPi é agora alargado a todo o país.

Vantagens

Proprietários

Porque deve registar?

  • Para garantir os seus direitos de propriedade. A inscrição dos terrenos nas finanças não é suficiente para garantir a proteção dos seus direitos de propriedade. Para isso precisa de fazer o registo na Conservatória do Registo Predial, que será gratuito ao apresentar a localização da sua propriedade, obtida através do BUPi.
  • Porque o registo na Conservatória é obrigatório quando se pretende comprar ou vender um terreno.
  • Para ajudar na gestão do território rural português, contribuindo para a prevenção de incêndios no nosso país.
  • Porque pode fazê-lo de forma gratuita, se apresentar a representação gráfica georreferenciada obtida através do BUPi, pelo período de 4 anos a contar da data de adesão do município ao BUPi.

Municípios

O conhecimento dos limites e da titularidade das propriedades é fundamental para que o município possa planear e gerir o seu território, assim garantindo a valorização e desenvolvimento sustentável destes e a qualidade de vida dos seus munícipes. Com o conhecimento adquirido, poderá ser criado mais valor para as comunidades.

Administração Pública

A colaboração entre entidades da Administração Pública vem permitir uma mais eficiente utilização e partilha da informação sobre o território, nos diferentes domínios, e o princípio “Only Once”, dispensado o Cidadão de apresentação de informação que a Administração Pública já dispõe. A disponibilização desta plataforma de interoperabilidade, assente num paradigma digital, vem ainda acelerar a criação de novas camadas de conhecimento na Administração Pública, capazes de criar melhor planeamento e gestão dos recursos do território.

Instituições Científicas, Ensino Superior e Empresas

A criação de sinergias entre instituições científicas e de ensino superior vem possibilitar um processo mais ágil de identificação do território, enriquecendo as bases de dados já existentes com novas camadas de diferentes tipologias de dados e criando novas fontes de informação. Paralelamente, o cruzamento de informação e o processamento de dados através de sistemas de inteligência artificial, permitirá extrair mais conhecimento sobre o território, gerando novas oportunidades económicas e mais emprego, nomeadamente nestes territórios, reduzindo assimetrias.

Proprietários

Porque deve registar?

  • Para garantir os seus direitos de propriedade. A inscrição dos terrenos nas finanças não é suficiente para garantir a proteção dos seus direitos de propriedade. Para isso precisa de fazer o registo na Conservatória do Registo Predial, que será gratuito ao apresentar a localização da sua propriedade, obtida através do BUPi.
  • Porque o registo na Conservatória é obrigatório quando se pretende comprar ou vender um terreno.
  • Para ajudar na gestão do território rural português, contribuindo para a prevenção de incêndios no nosso país.
  • Porque pode fazê-lo de forma gratuita, se apresentar a representação gráfica georreferenciada obtida através do BUPi, pelo período de 4 anos a contar da data de adesão do município ao BUPi.

Municípios

O conhecimento dos limites e da titularidade das propriedades é fundamental para que o município possa planear e gerir o seu território, assim garantindo a valorização e desenvolvimento sustentável destes e a qualidade de vida dos seus munícipes. Com o conhecimento adquirido, poderá ser criado mais valor para as comunidades.

Administração Pública

A colaboração entre entidades da Administração Pública vem permitir uma mais eficiente utilização e partilha da informação sobre o território, nos diferentes domínios, e o princípio “Only Once”, dispensado o Cidadão de apresentação de informação que a Administração Pública já dispõe. A disponibilização desta plataforma de interoperabilidade, assente num paradigma digital, vem ainda acelerar a criação de novas camadas de conhecimento na Administração Pública, capazes de criar melhor planeamento e gestão dos recursos do território.

Instituições Científicas, Ensino Superior e Empresas

A criação de sinergias entre instituições científicas e de ensino superior vem possibilitar um processo mais ágil de identificação do território, enriquecendo as bases de dados já existentes com novas camadas de diferentes tipologias de dados e criando novas fontes de informação. Paralelamente, o cruzamento de informação e o processamento de dados através de sistemas de inteligência artificial, permitirá extrair mais conhecimento sobre o território, gerando novas oportunidades económicas e mais emprego, nomeadamente nestes territórios, reduzindo assimetrias.

IDENTIFIQUE AQUI AS SUAS PROPRIEDADES
Consulte a lista dos balcões de atendimento

Escreva o termo que deseja procurar